DEPRESSÃO: Mal do Século: A TORTURA DA ALMA

A TORTURA DA ALMA


Sentimos sempre um desespero emocional muito grande, quando assistimos cenas de filmes, em que algum personagem é torturado, imaginando estar na mesma situação em sofrimento.
A dor causada em uma tortura, leva a pessoa a buscar alguma saída que alivie ou acabe com aquela dor e agonia. Muitas vezes, o torturado cede às pressões do torturador, falando o que lhe interessa, mesmo sabendo que o torturador irá matá-lo de qualquer jeito.
A Depressão já levou muitas pessoas a buscar a mesma atitude consigo mesmas, sendo que a morte, acaba sendo executada pela própria pessoa.

No ano de 2015, já tratava de depressão a 17 anos. Nós depressivos sabemos que qualquer situação na vida, inclusive situações boas, mexem com o nosso emocional. Qualquer mudança de rotina, ou algo que nos tire da zona de conforto, mexe com a gente.
Normalmente, um depressivo costuma se sentir só, mesmo no convívio diário com pessoas, seja da família ou não. Mas quando a gente coloca a vida totalmente nas mãos de Deus, a coisa muda de figura. Ele irá cuidar de nós muito além do que pedimos ou pensamos (verdade Bíblica). Comigo não foi diferente.

Neste referido ano de 2015, fui morar sozinho por conta de um necessário divórcio.
Em nenhum momento me senti incomodado com a separação conjungal, porém, foi uma mudança radical na minha zona de conforto, que com certeza afetou muito meu emocional (inclusive para a necessária adaptação a esta nova empreitada de vida).

Foi então que por três vezes, senti uma dor e angústia tão profunda na minha alma, que se ela pudesse respirar, eu diria que perdera o fôlego do meu espírito.
Eu claramente cheguei, nestas três vezes (separadas no tempo, tipo uma por mês), ao um ponto de angústia tão profundo, que eu nada podia fazer. Eu só queria que aquela dor e angústia passassem de qualquer jeito. De maneira nenhuma pensei em suicídio, pois tenho a vida firmada na Rocha que é Cristo, no entanto, sei que muitos Cristãos e não Cristãos cometem suicídio, e isto não representa fraqueza destas pessoas. Nestes três episódios, segurei bem firme nas mãos de Deus, até o momento passar.
Foi então que percebi, logo após a dor e angústia passarem, que eu precisava guardar na memória aquele momento, para ajudar alguém mais adiante.

Por esta razão escrevo este relato.
Você que está lendo, se sofre de Depressão, já passou ou não por esta dor que explanei, independente da sua religião, segure bem firme nas mãos de Deus, pois com Ele esta dor e angústia passam! Entrega sua vida à Deus por intermédio do único caminho que é Jesus! Pois a Bíblia deixa isto bem claro, em seus 66 livros.

Quanto a Depressão, só boa vontade e relegião não bastam.
Procure um médico e siga todas as orientações, tomando regurlamente as medicações.
Jamais deixe de tomar as medicações receitadas. Se você não se sente bem com as medicações, volte ao médico para possivelmente alterá-las, mas nunca faça isto sozinho.
Dependa somente de Deus e de você mesmo no seu dia a dia.
Por mais que exista boa vontade das pessoas que gostam de você, elas nunca conseguirão te ajudar a altura, e algumas delas, mesmo sem querer, podem atrapalhar, inclusive os que são da família.

Há sempre muita vida plena e com propósito pela frente, quando nos colocamos totalmente nas mãos de Deus.

Este é relato de nosso seguidor Ailton Rocha. Que foi publicado na íntegra sem nenhuma alteração.

Nenhum comentário:

Postar um comentário